sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

[Crítica] The River - 1×01/02: Pilot/Marbeley (Series Premiere)


Há magia no ar!

Critica:
(Spoilers Abaixo)


O que define toda essa loucura é: PACIÊNCIA.

Você precisa ter paciência pra gostar de The River. Não sei qual foi a moral da ABC de colocar isso no ar, até quando vi ABC no vídeo me assustei. Achei que fosse da SHOWTIME ou então da CBS. Não que essas sejam ruins, não é isso. Mas a produção deixou a desejar. E também tem o peso de ser produzida por Steven Spielberg. Mas digamos que há algumas coisas que instigam e me levam a ver mais.

De cara você percebe que é um programa de televisão. Tudo no melhor estilo “A Bruxa de Blair” e “Atividade Paranormal”. Eu preferia que fosse numa casa ou então em um hospital de loucos como “Grave Encouters”, mas beleza né quem sou eu pra julgar?

O apresentador do programa ecológico Dr. Emmet some no meio do Amazonas (Pra variar o Brasil entrou de gaiato numa produção chinfrin né mas tudo bem). Ele some e sua mulher com a consciência pesada e com certeza em dividas aceita a fazer o programa. Mas claro, eles pagam só se for com o filho. Pra mostrar como a família era perfeita. O menino diz que não, mas depois que a mãe fala sobre dinheiro, ele resolve topar. A equipe é bacana. Tem os câmeras man, o produtor e um casal de engenheiros de barco (é isso né produção?). A menina espanhola entende tudo em inglês mas não responde. Isso me irrita realmente. A socó entende, e porque não responde? E o que é eles no Tocantins e todo mundo falando em espanhol? Realmente nisso a produção pecou PACAS.

O primeiro susto: A hora que eles encontram o barco do Dr. E adentram. Tipo? Oi? Calma né, deveriam chamar gente especializada pra isso. Eu jamais entraria em um lugar sujo, abandonado e com certeza enfestado de bichos. Até umas cobrinhas figurantes aparecem. Mas bem meia boca. Nisso eles descobrem que há algo dentro de um “quarto do pânico”. Gente, tá bom né?! A porta esta soldada. Ninguém merece mesmo. Como iam soldar a porta em pleno amazonas? Nem o bicho que esta lá dentro é tão burro assim. Enfim, abrem a porta e mexem no tal treco de madeira lá que tá o demônio que a espanhola sensitiva avisou. Já de cara ele voa com a loirinha filha do cara que sumiu com o Dr. Emett. Esqueci de mencioná-la mas ela chega do nada. E ela que faz eles irem até a boca do tigre.

Depois no finalzinho do primeiro episódio enfim a loucura começa. O tal espirito mata um câmera man que vai se meter a macho lá fora quando o mesmo esta surtando e balançando o barco. Aí a esposa do Emmet pergunta ao tal espirito se ele esta vivo e ele deixa marcas nela que sim. Nisso a menina loirinha lá (desculpem não decorei nomes) sabia da existência das fitas que o Dr. havia gravado. A mulher dele ficou puta da vida; eu também ficaria. O cara ta na selva e não liga pra mim que sou mulher dele e liga pra filha do câmera. Ai me erra. Adorei isso nos atores, em certos diálogos distantes eles encenam muito bem. Diferente de outras cenas que pelo amor de Deus, Steven não produziu com aquela vontade como fez em Terra Nova.

No segundo depois que o espirito entrou dentro daquela madeira, eles tomam coragem e vão pra mata. Outra babaquice. Me revoltei com esses personagens porque a mudança de loucura é demais. Desculpem. Voltando ao assunto.

Eles encontram um cemitério de bonecos. Antes disso, um macaquinho lindo aparece falando “Mamãe” e quando eles se aproximam ele esta com uma cabeça de boneca. Virou gif em diversas comunidades. Vale a pena ver essa parte. Nisso, o cara que ta coordenando eles, diz que eles tem que parar pra dormir ali. CAPAZ MESMO que eu ia ficar num lugar sombrio daqueles com um monte de Chucky’s e Tiffany’s me encarando. NUNCA. Enfim. É obvio que vai acontecer algo sobrenatural né? O protagonista é puxado da barraca. Aí ele retira o “ursinho” dele. Mesmo eu acreditando que macumba não pega. Mãs vai saber né. Tô na Amazônia, sei lá né. Aí ele coloca o bichinho no lugar ele se desamarra sozinho. Eles tentam várias vezes e de repente cai tudo. Não me esquecendo da parte do negão que vai filmar uma boneca e pede pra ela abrir os olhos. E a câmera que esta ao inverso flagra a boneca de trás fechando. CLICHÊ. Seria um baita cagaço se ela abrisse os olhos na frente dele, mas enfim.

A mãe do protagonista caindo no lago lá e sendo puxada por um espirito foi tosco. Mas ao mesmo tempo emocionante. Eu ri muito quando ele colocou o cadáver da mãe da menina no mar e ela voltou pelo tumulo da morta. Disso eu gostei. O finalzinho começou a ficar interessante. Depois de colocar aqui vários erros de produção deles, acho que o 3 vai ser bom. Eu vou assistir e vou voltar aqui para definir se continuo nessa roubada ou não.

A ABC encomendou 8 episódios. Mas mesmo que eu odeie mais ainda, colocarei os pontos positivos e negativos aqui ao meu ver. Pra você que ADORA esse tipo de “curta” eu recomendo. Demora pra começar a loucura, mas quando começa é massa. Não posso colocar aqui tudo porque se não perde a graça. Mas prestigia aí o Steven. A ABC vai agradecer.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
10 Comentários

Comentário(s)

10 comentários:

  1. Cheio de novos escritores no mundo alternativo.
    Bom ou ruim?

    ResponderExcluir
  2. Não gostei da sua crítica.
    Gostei da série, o deles entrarem no barco, é porque eles já estão acostumados com bichos, sujeiras, e etc, até pq eles gravavam algum programas com o Dr. Emmet. E o deles dormirem junto com as bonecas foi por causa do "produtor" do novo "programa" deles procurando o Dr., ele queria mostrar pro público o sobrenatural, como se fosse.
    Sem ofensas, mas prefiro as críticas do Nefferson.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo, acho que é bom né? Mais séries e mais opiniões diferentes e sem cair no marasmo. :DD

    ResponderExcluir
  4. Yiow querido, sorry se o meu ponto de vista não lhe agradou. Eu sabia onde estava entrando, que apareceria esses fãs lunáticos me detonando só por causa de uma crítica real. Não entrei no mundo de fantasia da série porque já que é pra mostrar realidade, vamos mostrar. Mas quero sua opinião sempre, no terceiro tentarei melhorar. E conto com você por aqui pra sempre me colocar no meu devido lugar. Beijo no rosto.

    ResponderExcluir
  5. parece bem bacana,acho que vou dar uma conferida novato:)

    ResponderExcluir
  6. nao consegui ver essa porcaria não..
    Mals para quem gostou disso. Mas minha opinião num da para ver isso não..

    ResponderExcluir
  7. Sério, em pleno século XXI, eles ainda pensam que a língua falada no Brasil é espanhol ?????? Só por isso já deveria sair do ar.

    ResponderExcluir
  8. como eu ja falei em outra critica de glee eu acho que os melhores críticos é Neferson o João
    e o Ricardo ta mais ou menos

    Vou da uma conferida mais língua do Brasil Espanhol?

    ResponderExcluir
  9. Deveriam jogar todos os responsáveis por essa série no rio. Um absurdo completo.

    ResponderExcluir
  10. eu nao sei se quem escreveu a critica é breasileiro ou nao , mas de qualquer forma voçe devia aprender a escrever antes de vir fazer criticas para a net. ja vi que quando a critica de river nao posso contar com este site

    ResponderExcluir