terça-feira, 24 de janeiro de 2012

[Crítica] Gossip Girl - 5x12: Father and the Bride

Giiiiiiiiirls Night! 
Crítica:
(Spoilers Abaixo)
É Blair, pra quem fez fotos com Deus, você está muito safadinha. Tipo o padre que peca com sua cunhada de vez em quando e faz tudo o que ela quer, ou primos invejosos de Manhattan capazes de cometer atos terríveis contra sua família. Talvez até mais safadinha que um garoto do Brooklyn que não sabe o que escrever.

E eu que estava com medo do que estava por vir. Porque né... Depois do ultimo episódio em que a série tinha virado Gospel Girl, achei que as coisas só iriam piorar, mas essa semana foi realmente boa. Sem dramas religiosos, ou pelo menos, sem dramas da promessa ridícula que Blair fez pro cara lá de cima, porque o padre promíscuo voltou, junto da cunhada dos infernos, só pra arruinar um casamento.

E eu sabia que isso iria acontecer, porque Beatrice sempre teve cara de quem queria a atenção só pra ela, e ter apenas a aprovação da mamãe não era o suficiente. Se Blair e Louis se casarem, Blair se torna Princesa, e isso seria o cumulo pra queridinha da França. Por isso ela armou um plano com seu Padre pra fazer Blair ser humilhada publicamente e depois mostrar a Louis que ela ainda ama o Chuck. Blair foi presa depois de ficar bêbada, foi fotografada, mas nada deu certo, simplesmente porque a Bia simpatizou com a garota depois de uma conversa bastante interessante.

E enquanto isso, nossa mais nova blogueira Serena tentava aproveitar a nova fama, ou iria aproveitar a nova fama, se a Gossip Girl não tivesse um plano de retorno. Sim, Nate caiu na lábia dela e acabou ferrando o blog da Serena só pra saber o motivo pelo qual o carro onde Blair e Chuck estavam bateu. Mas isso todos já sabíamos, não é? Trip pagou o ex da Charlie pra adulterar o carro de Nate, mas na hora ele e Blair trocaram e isso resultou uma batida onde Blair perdeu a criança que estava esperando.

Eu gostei da reviravolta envolvendo a Serena. A trama mostrou que Serena e Nate estavam brigando por causa do blog que ele tirou do ar só pro Trip confessar que foi ele. Eu vibrei, porque né... A série sempre foi assim, e quando ela volta as origens a gente tem que comemorar mesmo. E o melhor é que Trip vai pagar pelo que fez dessa vez, porque na 3ª Temporada ele foi um canalha e só levou um soco do primo pelo que fez. Agora só falta a Maureen se ferrar que todas as contas da série serão pagas.

Agora, só falta falar do Dan, nosso garoto solitário, com seu corte de cabelo horroroso e uma auto estima quase inexistente. Ele não fez muita coisa, só ficou no drama de seu próximo livro, fingiu namorar a Serena, depois se meteu no lance da Blair ser presa e ainda participou de uma das revelações finais, que foi o fato dele ter escrito os votos de casamento do Louis. Por isso a Blair gostou tanto, né?

E por isso eu acho que o casal ainda vinga. Já pensou, antes de subir ao altar ela descobrir que aquele texto tão lindo foi escrito pelo Dan e que ela precisa ficar com alguém que a ame desse jeito? Isso sim seria reviravolta, né? Fugir com o garoto solitário. Nem Chuck, Nem Louis, apenas o garoto pobre do Brooklyn que odeia ir ao cabeleireiro.

Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
2 Comentários

Comentário(s)

2 comentários:

  1. sua review é ótima, alegre, descontraída e ao mesmo tempo bem crítica mesmo. e ainda mais é a primeira review que sai de Gossip Girl na semana (comparada com com as review de outros sites). seu site está de Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. sinceramente desse episodio eu gostei, chuck voltando a ser um vilão,padre do mal,Blair bebada,derena e no proximo casamento e GEORGINA.

    ResponderExcluir