sábado, 7 de janeiro de 2012

[Crítica] Revenge - 1x11: Duress


Aniversário macabro mode on.

Crítica:
(Spoilers Abaixo)

Que vingança demoradinha né? Quando não são guarda costas cegamente apaixonados ou ex amantes loucas por dinheiro, parece que chega gente até das trevas pra impedir que Emily possa finalmente vingar a morte e o sofrimento de seu pai. E parece que o lunático da vez escolheu muito bem a data para iniciar a cartada final.

O episódio logo começa mostrando todos os personagens em volta de uma mesa com os rostos tensos pelo fato de Tyler estar com um revolver em volta deles. Mas, como o roteiro é cretino, tivemos que voltar dois dias atrás pra poder entender o porquê de tanta revolta. Pra quem não lembra, Emily armou tudo para que Tyler fosse um problema dos Grayson e para que Amanda tivesse o mesmo destino depois, mas isso não deixou nosso homo-gigolô muito feliz. E o que o deixou mais infeliz ainda foi quando percebeu que alguém tinha pego as provas que ele tinha para chantagear os Grayson. Foi o fim da picada.

Eu só não achei tão surpreendente quando Emily descobriu que o Tyler tomava antipsicótico porque ele já tinha demonstrado ser super psicótico nos episódios anteriores. Lembram quando ele bateu a cabeça num poste só pra culpar o Daniel? Pois é, uma pessoa que faz uma coisa dessas não pode mesmo ser normal. E já que Emily e Nolan já tinham resolvido suas diferenças pelo ultimo incidente, decidiram agir juntos pra destruir de vez o rapaz, tudo enquanto Ashley preparava uma festa de aniversário simples e chique para Daniel.

E realmente, a série conseguiu mostrar o lado psicótico do Tyler de uma vez só. É claro que nenhum personagem pode ameaçar pessoas com uma arma e sair por aí tomando banho de piscina como se nada tivesse acontecido, a história de Tyler tinha que te rum fim, pelo menos provisório. E mesmo não tendo apertado o gatilho, nem machucado ninguém ao invés de prender Nolan numa cadeira, a cena do jantar foi muito boa e teve várias reviravoltas.

Tyler foi impedido de cometer a loucura quando seu irmão mais velho chegou e depois foi preso. E tcharan! A arma que ele tinha estava sem balas, porque Emily tem o QI de Steve Jobs e retirou as balas. Além disso, ela ainda deu um jeito do cara ser acusado pela morte do Frank colocando a carteira do falecido no seu casaco. Isso sim é matar dois prostitutos com uma doença só. Ou... Vocês entenderam, né?

E agora com o Tyler aparentemente fora da jogada, acho que a trama vai focar na Amanda. Depois do psycho, ela é a pessoa que mais pode causar problemas a Emily. Espero mesmo que ela seja expulsa, vá embora, perceba gentilmente que não tem lugar pra ela ali. Porque mesmo que ela se ferre pela mão dos Grayson, se Emily não ajudar, ela vai dizer toda a verdade e o plano vai por água abaixo. E o que isso tudo quer dizer? Simples, vai te ruma hora em que o povo vai sair se ferrando a torto e a direita e vai sobrar até pro chinês que ajuda Emily em sua vingança enquanto não está construindo TVs Semp Toshiba.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
4 Comentários

Comentário(s)

4 comentários:

  1. ja tava com saudadessssss dessa serie gente essa Emily sabe realmente se vingar! srsrs

    ResponderExcluir
  2. Emily nossa ela sabe se vingar ^^

    ResponderExcluir
  3. Gostei do episódio,estava com muita saudades dessa série.Sou fã da Emily,ela sabe se vingar como uma profissional,mais não poderiamos esperar menos de uma pessoa que se preparou anos para que sua revenge seja perfeita.

    ResponderExcluir
  4. Eu acho que ela deveria perdoar Victoria pois Victoria realmente amava David Clark(e issó é um fato concreto?

    ResponderExcluir