Especial

Foto:

[Crítica] Uma Noite Alucinante 2


Direção: Sam Raimi
Ano: 1987
País: EUA
Duração: 84 minutos
Título Naci0nal: Uma Noite Alucinante
Título Alternativo: Evil Dead II

Crítica:

Morto ao amanhecer.

Ui, já vamos começar esta crítica com polêmicas (não é mamilos, tá?). Eu li pela internet, que esta sequência, na verdade, é uma espécie de reboot (reinício) na franquia. Não levei muita fé, já que seguia o personagem sobrevivente do original e continuava a história de uma forma convincente. Mas, depois de assisti-lo, tenho motivos suficientes para achar que esse boato é uma meia verdade. Digamos que esta Parte 2 é uma espécie de sequência e reboot. Parece meio confuso, né? Mas vou tentar explicar tudo. Prontos para enfrentar o livro dos mortos?

A história volta a acompanhar Ash que, depois de sobreviver a uma noite de horror, tem sua mão possuída pelos demônios do local e acaba tendo que eliminá-la. Em paralelo a isso, a filha do pesquisador que gravou a fita com a citação que acordou os mortos, está de volta a cabana, procurando por seu pai. Agora, Ash, ela e outras vítimas terão que se juntar, uma vez que os demônios estão famintos e doidos para devorar suas almas. E, mais uma vez, a resposta para os seus problemas podem estar no livro, mais especificamente, em umas páginas especiais, recém encontradas.

Bem, vamos direto a polêmica! No primeiro filme, tínhamos um grupo de cinco amigos, incluindo Ash e sua namorada. Mas este segundo começa com o Ash levando sua namorada na cabana e ela morrendo, praticamente do mesmo jeito que a outra. Estas cenas são uma espécie de resumo do primeiro e logo nos mostra o desfecho, com o Ash sendo perseguido por uma criatura. Até aí tudo bem, mas cadê os outros três amigos do filme original? Foram completamente excluídos. E eu não vejo razão alguma para isso acontecer, uma vez que eles mantiveram todo o resto.

Enfim, focando no filme em si, acho ele perde para o original em alguns quesitos. O original era mais focado, bem mais sério. Mas este perde grande tempo com sequências idiotas, como, por exemplo, a mão possuída do Ash. É uma idéia completamente idiota! Além de tentar fazer uma comédia trash em um filme de terror. Eu acho que não era necessário, mas pelo menos nos rendeu a mão-moto-serra, que é uma das mais fortes características do personagem, a partir desta sequência.

Outro problema que foi solucionado, foi o fato do Ash ser imune a possessão. Já estava ficando ridículo, ele pra cima e pra baixo, sendo mordido, cuspido e dedado e nenhuma reação, enquanto os outros mal olhavam para os possuídos e já estavam com o demônio no corpo. Além disso, os outros personagens também receberam uma maior resistência, apesar de alguns ainda insistirem em fazer a coisa mais burra que vier em suas cabeças (sair pra floresta quando se sabe que ao redor da cabana ta cheio de demônios despertos, alguém?).

Enfim, não é uma sequência ruim, até porque, somos brindados com cenas dignas e algumas até que honram o original. Além, é claro, de continuar a trama de uma forma coesa, apesar do corte do elenco ao original. O final é meio bobo, porque faz brotar uma criatura das profundezas do inferno – e sabemos que os efeitos da época são péssimos. E a última cena foi a mais sem noção de todos os tempos. Seria perfeito se eles tivessem encerrado a franquia com aquele final, ao invés de fazerem outro com um tema tão... Não encontro palavras para descrever. Nota 8,0.

Trailer:

Comentário(s)
6 Comentário(s)

6 comentários:

  1. vanessa vasconcelos1 de fevereiro de 2012 14:46

    eu quase cheguei a assistir esse,mas agora com essa lei desgraçada não terei chance de assistir mas nada,as locadoras que tinha aqui perto fecharam,e a pirataria vai acabar para meu desespero,resumindo: fodeu geral,e o evil dead 3 eu não cheguei a ver nem o trailer,por isso nem irei comentar nada,só me resta rezar para um milagre acontecer e essa lei não ser aprovada,é foda......

    ResponderExcluir
  2. Ouve uns equívocos nas suas criticas e observações sobre os filmes:

    (1) O titulo do primeiro filme no brasil se chamou ''Uma noite alucinante 1: Onde tudo começou''. Isso porque o primeiro estreou aqui antes do 2 que tinha o titulo ''Uma noite alucinante''! Depois mudaram pra '' A Morte do Demônio''.
    (2) O Segundo filme é ''basicamente'' um Remake, isso porque os direitos de imagem do primeiro filme impediram de ser utilizadas as cenas no flashback, tendo sido alterada a ''moral da historia''!

    No mais, suas criticas (por mais que eu discorde de umas observações) são interessantes!

    ResponderExcluir
  3. você foi criado a leite com pêra mesmo né? qual sua idade, cara? escreve como se tivesse não mais do que 15 anos. esse humor negro do Sam Raimi que persiste até hoje começou nesse filme, o que faz dele um clássico imediato. a cena da mão possuída te incomodou? porra, clássico novamente! ri demais com essa cena, por ter sido tão absurdamente hilariante, e não fui o único.

    a sua crítica sobre o filme anterior foi bem interessante, mas nesta você me escreve uma coisa dessas, falando mal dos efeitos especiais de um filme trash dos anos 80 que não custou mais que alguns milhares de dólares. não faz sentido. da próxima vez que for assistir um filme clássico como Evil Dead, entenda que o filme não foi feito como um blockbuster naquela época, muito menos que existiam computadores baratos para edição naquela época.

    ResponderExcluir
  4. Corrigindo erro no texto:

    Ouve uns equívocos nas suas criticas e observações sobre os filmes:

    (1) O titulo do primeiro filme no brasil se chamou ''Uma noite alucinante 1: Onde tudo começou''. Isso porque o SEGUNDO filme estreou aqui antes do 1!O segundo filme tinha o titulo ''Uma noite alucinante''! Assim houve esta bagunça de títulos, sendo depois mudado o nome do primeiro filme pra '' A Morte do Demônio'' no lançamento em VHS. Mais tarde o titulo nacional do 1 passou novamente pra ''Uma noite alucinante 1'' (ainda em VHS). Ao ser lançado em dvd, o titulo retornou ao original de lançamento no home video: ''A Morte do Demônio".
    (2) O Segundo filme é ''basicamente'' um Remake, isso porque os direitos de imagem do primeiro filme impediram de ser utilizadas as cenas no flashback, tendo sido alterada a ''moral da historia''!

    No mais, suas criticas (por mais que eu discorde de umas observações) são interessantes!

    ResponderExcluir
  5. Parei de ler na parte que critica os efeitos especiais e a cena clássica da mão possuida, o cara não sabe fazer uma critica decente sobre o filme, lamentável , porque EVIL DEAD 2 é nota 10.
    Sem falar que nem é fã da série.

    ResponderExcluir
  6. amigo a parte da mão viro um classico , tanto que teve um filme que fizeram mais tarde chamado a mão assassina que repete a formula deste filme,e isto não se chama comedia trash e sim humor negro,é tipico do sam raimi o humor negro e cenas nonsense,sempre supervalorizando o mocinho,e o interessante que ele conseguia fazer certinho essa jogada humor negro/suspense pois em uma cena voce ria do absurdo e em outra voce sentia calafrios na espinha,classico absoluto

    ResponderExcluir