quinta-feira, 10 de novembro de 2011

[Crítica] Gossip Girl - 5x06: I Am Number Nine

Ciúmes, até psicopata sente.

Crítica:
(Spoilers Abaixo)

É uma pena que uma série tão boa como GG seja a segunda colocada no índice de baixa audiência da CW. Talvez tenha sido as inúmeras mudanças, já que qualquer um concorda que a série não é mais como era antes e realmente qualquer trama que dure anos como GG merece uma evolução. Há quem reclame, mas na minha opinião, a série está indo mais que bem.

E um dos motivos pra série satisfazer todos os fãs de verdade é o show de escândalos e histórias interessantes, que não deixam nenhum personagem de fora. O único que parecia inútil na trama era Nate, mas ele já está no centro da trama novamente, e parece que os eu namoro com a britânica vai render ainda mais, já que ela parece ter chego na série pra ficar. O problema do casal neste episódio se deu ao fato f que Nate queria ser assumido publicamente, mas sua namorada preferia deixar tudo quieto enquanto a imprensa acha que ela está ficando com outro cara, pelo menos até Charlie entrar na disputa para ser madrinha de Blair com outras garotas e ganhar a tarefa de beijar Nate. A britânica perdeu até a fala quando viu o beijo quente dos dois, que provavelmente alguma hora vão ter alguma coisa.

Já Blair, além de ter que organizar uma competição com suas ex seguidoras, ainda teve que lidar com o fato de que seu noivo está pagando uma terapeuta para fazer Chuck voltar a ser o monstro que era antes só para evitar que Blair volte para ele. O escândalo feito por Chuck foi de ficar de boca aberta, ele e aquele seu jeito misterioso deram um ar psicótico a cena, e ninguém podia culpá-lo. E o que vocês acham que vai acontecer com Blair e Louis depois dessa? Eu queria uma separação, mas talvez seja melhor guarda isso pra Summer finale, que já está quase nos alcançando.

Mas com tudo isso, ainda sobrou tempo pro drama da protagonista. Eu estava navegando em tópicos sobre a série e achei um absurdo a maioria odiar a personagem e dizer que ela em que sair. Qual o problema de vocês com a S? Gossip Girl não sobreviveria sem ela, tentem colocar isso na cabeça. Se a personagem estivesse numa trama chata, tudo bem, eu entenderia, mas o seu drama com a chefe e o livro do Dan é interessante, e creio que é isso que vai unir os dois novamente.

Nessa semana a chefe mala da Serena provou que também é diva das gambiarras e deu um jeito de irritar Dan, dizendo que queria mudar absolutamente tudo na adaptação de seu livro para o cinema. Eu bem que achei estranha a idéia do “Inside: O Musical”, mas o plano da vadia ia muito além disso. Toda a encenação só era pra fazer Dan desistir do roteiro para alguém mais experiente tomar conta, na promessa de que não muita coisa seria mudada. Bom, o musical não será feito, mas a chefe de Serena queria que o personagem de Dan fosse uma espécie de vilão e não o garoto inocente e solitário do livro.

Por sorte alguém deu um basta nessa mulher, foi a primeira vez que eu gostei da participação da britânica vadia, pois sem ela o filme sobre o livro de Dan acabaria satisfazendo apenas a megera da chefe da Serena. E o que vocês acham, será que elas tiveram um caso? Porque pra ela desistir assim de um projeto por causa de uma conversinha com a britânica, é bastante suspeito, não? Aliás, já estou achando que era ela naquela foto que queimou das coisas do Bass, já que Chuck a reconheceu. Seria a mãe dele? Uma irmã? Espero descobrir isso antes da Summer finale, os segredos de GG sempre me matam.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
1 Comentários

Comentário(s)

1 comentários:

  1. Também não entendo o ódio mortal que as pessoas sentem da protagonista mór da série.Ela é ótima,seus dramas são os mais envolventes da série.Enfim,sem sombra de dúvidas GG não sobreviveria sem Serena.

    ResponderExcluir