segunda-feira, 28 de outubro de 2013

[Crítica] Se Beber, Não Case! Parte II



Direção: Todd Phillips
Ano: 2011
País: EUA
Duração: 102 minutos
Título original: The Hangover Part II

Crítica:

O bando de lobos está de volta.

Sabem o que é mais curioso? Na mesma época em que Se Beber, Não Case - Parte 2 estreava, a Katy Perry lançava um single chamado Last Friday Night. Para quem não conhece a música, ela fala sobre beber demais e acordar sem lembrar de nada, no dia seguinte. Vocês estão pensando o que mesmo que eu? Parece que a música foi feita para o filme. Desde o clipe, em que a Katy acorda em meio a uma bagunça total (igual aos personagens do filme), até a letra (que fala até sobre ser preso). Pena que a música não faz parte da trilha sonora, porque é perfeita!

A continuação volta a seguir o mesmo grupo de infortunados amigos. Desta vez é o Stu que pretende se casar, na Terra dos olhos puxados, porque é a vontade de seu sogro. Como sempre, eles têm que fazer uma pequena despedida, desta vez, apenas uns bons drink na praia. Mas adivinhem? Eles acabam drogados outra vez! Agora, eles se encontram em Bangkok e, como outro problema, o irmão da noiva está desaparecido. Então, eles terão que juntar as pistas novamente para encontrar o garoto e chegar a tempo de casar. Será que eles conseguem de novo?

Bem, eu havia dito, na crítica do primeiro, que ele era um filme forte, mas não mostrava nenhum tipo de covardia, trazendo até um chinês pelado, uma verdadeira visão do inferno. Mas, como toda boa sequência, todos os elementos são expandidos e, temos até uma cena em que alguém chupa o pintinho do chinês por engano. TODOS CORREM PARA AS COLINAS! Aliás, um dos grandes pontos positivos é justamente trazer todo o elenco original possível e manter a estrutura básica do original. Por esses motivos, quem já viu o primeiro, não vai ter dificuldades em descobrir as reviravoltas antes da hora.

Lembram da prostituta que o Stu se casa no primeiro filme? Pois, é! Ela infelizmente foi cortada do roteiro da sequência (apesar que ainda dá para ver uma foto dela, no começo do filme). Mas, para satisfazer o fetiche de prostituição do personagem, entra em cena mais um prostituta, que desta vez, tem uns segredos ocultos. Casar com uma prostituta não é nada, comparado a transar com uma que, na verdade, nem é mulher. Isso mesmo, ele transa com um travesti. E vocês acham que ele é o ativo? Não! Ele deu! Vocês têm noção disso? E lá se foi outro infarto meu na sala de cinema. E o pior, naquelas fotos finais, mostrando como tudo aconteceu, tem várias fotos deste momento. É de morrer de rir.

Aliás, não é apenas o sexo que está mais frenético. Temos várias cenas de perseguições excelentes, com direito até a entranhas de porco (cena de dar inveja a qualquer Massacre da Serra Elétrica). E se vocês acham isso pouco, temos até um personagem protagonista levando tiro. Achei que foi um grande acerto trazerem o chinês de volta para a trama. Até porque, as desculpas para ele estar presente na Parte 2, são bem convincentes. Mas também, partindo o Allan (o gordo) qualquer explicação fica plausível.

E vocês acham que eu iria fazer uma crítica sem falar nele? O divo absoluto do filme? Se vocês acharam que eu estava falando do macaco traficante, acertaram! Gente, que bicho carismático! Ele foi, de longe, o melhor personagem dos dois filmes. Dando um banho de "interpretação" em cima do bebê, tigre e a galinha juntos. Ainda bem que ele recebeu bastante destaque, senão eu ficaria louco em Cristo. Ele fazendo um sexo oral é hilário! Defesa dos animais vai apedrejar este filme em 5...4...3....

Bem, está claro que esta sequência é tão boa quanto o original. Acho difícil ter mais algum, com um roteiro decente. Uma vez que eu acho que nenhum deles vai cair na burrice de ser drogado novamente. Sem contar que não falta mais ninguém casar. O que? O Allan? Pelo amor de Deus! O dia que ele casar, eu vou estar namorando com a Mary Elizabeth Winstead. Mas quem sabe, certo? Tudo é possível quando a bilheteria é boa. Teremos outra ressaca?

Trailer Legendado:

Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário